segunda-feira, 9 de março de 2009

FICA COMIGO ESTA NOITE



Pobre pássaro
tu que cantas para mim todos os dias,
sem fantasias
grandiosa poesia
alegria em dias pardos
uma multidão de luzes
e- pensamentos estavam lá-(...).

39 comentários:

Cris Animal disse...

E que ele insista nesse cantar!
Eis a esperança!
beijo grande
...............Cris Animal

Osvaldo disse...

Oi, Maria:
No meio dessa multidão, coitado do passaro, por melhor que cantasse, mal se ouviria...

Belo texto para uma foto bem conseguida.

bjs
Osvaldo

ellen disse...

Muito Obrigada Maria, pela sua visita e presentear-me com um verso(?) tão bonito :)

Volte sempre que será bem vinda.

Um beijinho

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Tem um Selo de Qualidade lá no blog pra você. Fizemos com muito carinho e esperamos que repasse da mesma forma e cuidado.

=]

-

José Heitor Santiago disse...

Belíssimo pássaro,
rasgando um poético céu azul-livre
desenhando palavras douradas, em seus voos
e depois poisando-as
à tarde,
no fim de todas as brincadeiras
no horizonte
de todas as memórias!...


Abraços poema,

jhs

susaninha disse...

Olá Maria antes de mais obrigada por passar no meu cantinho como sabecomo ficacamos contentes quando somos visitadas,escreve muito bem sabe gostei de cá passar.

Beijinhos

Que um anjo a ilumine

BC disse...

Muito bonito o soneto._________
Obrigada pela visita e volte sempre que quiser, será recebida sempre com um sorriso.____________

Beijo
Isabel

gabi disse...

a vida é corropio de cores
é um acenar de flores
é orquestra de pássaros
pelos caminhos...
seres errantes
que fazem seus ninhos
aceitam a sua sorte
ao som da melodia
no eterno calor de cada dia
que o Verão semeia
por onde passa...
cheio de graça...
numa tão breve
mas forte poesia...

oi!!!

continue o bom trabalho!!!

***

gabi

:)

Noslen ed azuos disse...

Gosto quando a poesia insinua como olhares a meia luz, assim como a sua.

Bjs
ns

O Mundo de Marina disse...

Maria,
Obrigada por esse pássaro de sonho.
Marina

Céu disse...

Como é difícil ser pássaro...O céu agora tem controladores terrestre, pobres pássaros em dias de sol;nublados;chuvoso;sol iluminando o dia; sem iluminar os caminhos...O próprio sol já não vê a Lua ; qdo a Lua começa a surgir; assim estão os pássaros perdidos dentro do sol abrigam-se na lua...e os pensamentos...como é difícil segura-los; mantê-los em silencio...(lindo poema Maria de Fátima...e esteja a vontade nos meu blogs... A CEIFADORA/CREPÚSCULO e no A MAGIA DO ORÁCULO que vc já conhece...agradeço a visita...será sempre bem vinda!).
Abraços...Céu

Céu disse...

Como é difícil ser pássaro... o céu agora tem controladores terrestre, pobres pássaros em dias de sol;nublados;chuvoso;sol iluminando o dia; sem iluminar os caminhos...O próprio sol já não vê a Lua ; qdo a Lua começa a surgir; assim estão os pássaros perdidos dentro do sol abrigam-se na lua...e os pensamentos...como é difícil segura-los; mantê-los em silencio...(lindo poema Maria de Fátima...e esteja a vontade nos meu blogs... A CEIFADORA/CREPÚSCULO e no A MAGIA DO ORÁCULO que vc já conhece...agradeço a visita...será sempre bem vinda!).
Abraços...Céu

Céu disse...

Como é difícil ser pássaro... o céu agora tem controladores terrestre, pobres pássaros em dias de sol;nublados;chuvoso;sol iluminando o dia; sem iluminar os caminhos...O próprio sol já não vê a Lua ; qdo a Lua começa a surgir; assim estão os pássaros perdidos dentro do sol abrigam-se na lua...e os pensamentos...como é difícil segura-los; mantê-los em silencio...(lindo poema Maria de Fátima...e esteja a vontade nos meu blogs... A CEIFADORA/CREPÚSCULO e no A MAGIA DO ORÁCULO que vc já conhece...agradeço a visita...será sempre bem vinda!).
Abraços...Céu

Gilbamar disse...

O grito desvairado das multidões cala o canto mavioso do pobre pássaro, mas seu poema supera o silêncio dele com o brilho das palavras.

Você é irmã de Ricardo Borges, de Fortaleza?

Fraterno abraço de Gilbamar.

stella disse...

Ciao Maria,grazie della visita. Non ci sei più tra i miei lettori,vieni ad iscriverti di nuoco? Abbraccio

Jyhael disse...

María, e un pracer coñecerte, e haber chegado hasta aquí, pra poder disfrutar do teu verso e da túa maravillosa Alma, limpia e pura é a palabra que se desprende do teu interior, do teu corazón, é unha honra, pra min poder compartir os nosos versos e espacios, benvida, querida amiga a esta que é tamén a túa casa....
dende Galicia, A Coruña
Jyhael

JC disse...

Obrigado por teres passadono meu blog.
Os pássaros cantam e as melodias que eles cantam não são entendíveis da mesma maneira por toda a gente. O estado de espirito das pessoas faz com que essas melodias sejam mais aleres ou tristes.
Pessoalmente adoro o chilrrear deles.
Voltarei
Beijinhos

bruxamarytsha disse...

Lindo, deixei um presente para vc lá no meu, vai buscar quando puder, beijocas

Olavo disse...

Lindo esse poema..que ele possa cantar sempre..
beijos

MamaNunes disse...

Obrigada pela visita e pelo presente.
Abraços
\o/

disse...

Ahhh eu quero esse pássaro na minha janela!

Seja sempre bem-vinda no meu blogg.
Sempre!

__O__

Nela disse...

Maria obrigada pela visita ao meu blog, e como lhe venho agradecer, quero dizer que escreve muito bem parabéns, tudo o que escreve é sentido daí vem o grande valor, obrigada por ser minha seguidora, virei visitá-la faça o mesmo se quixer, e adorei o poema, adoro pássaros, beijito boa semana.

Niña disse...

olá Maria...
Adorei receber sua visitinha no meu espaço. Apareça sempre, ficarei feliz.
Adorei seu blog...lindas poesias.

Bjinhos

Haialla Souza disse...

A beleza do pássaro está em dar o que tem de melhor sem receber em troca nada. Nem seque a atenção cobra de nós...

Muito bom o poema. Parabéns!
Beijos!

Valéria disse...

Que linda poesia Maria.

Parabens!!

Iêda disse...

Pássaros trazem alegria em dias pardos e sem luzes tbém... Belas palavras.
bjo

Nilson Barcelli disse...

Feliz de quem tem um pássaro, ainda que "pobre", a cantar todos os dias.
Porque da luz, os pensamentos sentir-lhe-ão a cor ainda mais viva.
Beijo.

Radiva disse...

Pássaros... vão e voltam sempre que necessita de algum lugar calmo e aconchegante.
És como eu esperando o recital que saí da alma do amando ser no "deserto".
Esperar as vezes é necessário.
Beijos

mariviva disse...

foto perfeitinha
adorei
:D

Crisenta disse...

olá querida, tdo bem? muito obrigada pela visitnha no meu blog, adoooreiii o seu cantinho ja te linkei la no confissões e estarei sempre por aqui! grande beijo e boa semana

Maria Inácia Bellico disse...

Verso lindo! Se chama Maria? Quanta honra rsrsrsr.

Bjim*

Vicente Caldas disse...

Oi Maria.Obrigado por ser minha primeira seguidora,sou um aprendiz de blogueiro, tenho muito o que aprender. Seu blog é 10, estarei sempre por aqui, acompanhado o seu bater de asas, seus voos poéticos.Minha nau está ao sabor de muitos blogs que estou conhecendo, em cada um que entro, descubro maravilhas,ares que sopram delicadezas e sensibilidades. Um abraço

atmaatom disse...

Olha que eu fico mesmo...

y se ficasse?
y se teimasse?

Não tema, não,
os pássaros que cantam
em liberdade
estão sempre lá...
nunca se vão...

Obrigada!

Muito interessante, seu blogue. Vou voltar!

ausenda disse...

Felizes os pássaros que nos dias pardos encontram uma multidão de luz...!

E seu blog também é um b0cadinho de luz do livre chilrear das aves! Gostei!

Obrigada pela sua visita!

Beijos

Agulheta disse...

Maria! eu gosto do voar de passaros nos levam à poesia.
Agradeço o adicionar,e venho com amizade QB.
Abraço

Juliana Castelo disse...

Minha mãe me dizia quando eu era criança, todas as vezes que ia me acordar para ir à escola, ela dizia: "!Acorda Ju! Passarinho que não deve nada para ninguém já acordou e tá cantando!"
Mesmo sem dever nada para o mundo eles continuam cantando, com ou sem multidões, apenas cantam para festejar dia após dia!

Poeta Carlos Gargallo disse...

Hola, seguro que los pájaros te seguirán cantando siempre, felicidades por tu blog y gracias por visitar el mío, muchos besos.

Daniel Savio disse...

Meio tumultuado essa vida deste pássaro, mas mesmo assim ele tem esperança...

Fique com Deus, menina "Borboletas".
Um abraço.

Ademerson Novais disse...

Oi obrigado pela visita lá no meu blog!!!
Bem que se ve mesmo em tuas palavras o quanto ja sentiu desse sintoma, o quanto quiz ficar na cama apenas o querendo, sem medo de dizer que esta doente!!!!

Parabens pelos textos aqui, nelas consegue transmitir muita coisa que só lendo mesmo para saber


Ademerson Novais de Andrade

Related Posts with Thumbnails

add this